Registros de Andalucía ~ Córdoba

Arcos no interior da Catedral, antiga Mesquita de Córdoba

"O ornamento do mundo é o famoso epíteto de Córdoba dado por Hroswitha, uma escritora da Saxônia que viveu no século X e que, de seu remoto convento em Gandersheim, foi capaz de perceber as excepcionais qualidades e a importância deste califado. Para ela, como para muitos que tomaram conhecimento da cultura andaluza da Idade Média, de primeira mão ou de longe, o brilho daquele mundo e a luz que lançava ao resto do universo transcendiam as diferenças religiosas." (María Rosa Menocal - O Ornamento do Mundo. p.27)

Dando continuidade aos posts com dicas de algumas cidades da minha querida e amada Andalucía, terra que é berço de duas paixões (flamenco e legado al-Andalus) que fazem parte da minha vida desde que eu tinha 21 anos, a publicação de hoje é para falar sobre Córdoba. A cidade que mora no meu coração e para onde eu viajo sempre que me surge a oportunidade.

Não me canso daquele lugar! Córdoba é mágica. Córdoba é árabe, discreta e ao mesmo tempo rica em charme, beleza e história. Antes de embarcar nessa viagem, lembre-se que eu criei uma playlist para acompanhar as dicas... :)) Ela foi compartilhada no post sobre Sevilla, mas vou publicar aqui novamente. Vamos lá? :))

Viagem Andaluzia by Patricia on Grooveshark

Para visitar Córdoba, sugiro no mínimo 2 dias. Você sairá de lá com um gostinho de quero mais, mas tenho certeza de que ficará encantad@ com o que conhecer! Para aproveitar bem o passeio, sugiro dividir a programação em 2:

~ Uma ida à Medina Azahara (Madinat al-Zahr), que é um complexo arqueológico de uma antiga cidade do século X situada a poucos km de Córdoba, que foi redescoberta há pouco mais de 100 anos e está sendo reconstruída em um ritmo acelerado - é uma visita maravilhosa! Madinat al-Zahr foi construída por Abd-al Rahman III e começou a ser erguida no ano de 936 d.C. Viria a ser destruída e saqueada em 1010 por ocasião da fitna que levaria ao colapso do Califado. Este ataque riscaria a cidade do mapa durante quase um milênio.
~ Passeio a pé pelo centro histórico de Córdoba, que é um lugar deslumbrante!

Sobre o primeiro, a visita é toda organizada com idas em horários específicos e os tíquetes, tanto da visita quanto do ônibus podem ser comprados no site. Reserve pelo menos uma manhã ou uma tarde inteira para essa passeio. E muito espaço na máquina fotográfica, pois você irá tirar fotos sensacionais, especialmente se estiver um dia de sol!

Madinat al-Zahr, um dos passeios que eu mais gosto de fazer em Córdoba
Quanto ao passeio no centro histórico, caso esteja de carro, recomendo deixá-lo à Juderia (antigo bairro judeu, ainda bastante preservado e onde estão quase todos os principais pontos turísticos) e fazer tudo a pé mesmo. :)) A Juderia não é muito grande, mas ela é composta por ruas beeeem estreitas e todas as casas pintadas de branco. E tem muitas ruelas e curvas. Resultado. Dá para ser perder mil vezes lá dentro. Eu, particularmente, não acho ruim, pois aproveito a caminhada, adoro ver os pátios das casas, pois as pessoas deixam as ante-portas abertas para que sejam apreciadas mesmo (Córdoba possui um festival de pátios que ocorre no mês de maio, onde as pessoas cuidam das flores com todo esmero especialmente para essa época do ano).

Córdoba e flores, tudo a ver!!!
Mas para quem não quer correr o risco de perder tempo, é bom chegar na Juderia e ir logo ao centro de atendimento ao turista, que fica em uma das entradas desse bairro, bem perto do Hospital da Cruz Vermelha (situado do lado de fora da muralha) e pegar um mapa. rsrsrs Perto do atendimento ao turista, se não me engano tem um posto policial e um albergue. Eu lembro porque tive minha mochila roubada em Córdoba em 2012, enquanto tomava café da manhã no restaurante do hotel em que fiquei. Aliás, quanto a isso, basta ficar atent@, pois hoje em dia tem ocorrido casos de roubos pela Espanha, e todo mundo voltou a usar aquelas doleiras por dentro da roupa, para guardar o passaporte, cartão etc. É só tomar cuidado. 

Catedral, antiga Mesquita de Córdoba
Bom, voltando à cidade.... :)) O primeiro lugar que eu aconselho visitar é a Catedral - antiga Mesquita, que é deslumbrante e fica bem no meio da juderia, perto do Rio Guadalquivir. A visita deve custar uns 9 euros, eu acho, mas vale a pena! 

Esses arcos são deslumbrantes! Dá para ter uma vaga ideia de como era a Mesquita!
Saindo de lá, você pode atravessar a ponte (5, 7 minutinhos) à pé e ir para a Torre de la Calahorra, que é uma torre romana, onde funciona um museu belíssimo e que vale muito a pena a visita!!! Porém, essa visita do museu deve levar mais de uma hora, então tem que cuidar com o tempo. Mas compensa! :))


O Arcanjo Rafael fica na ponte romana a caminho da Torre de la Calahorra. Ao fundo dá para ver a parte antiga da cidade.
Quem for ao museu, depois pode voltar para a juderia. Eu sugiro uma caminhada até a Sinagoga - é um prédio beeem pequenino, mas ainda com partes originais, do século XI, XII. Ali perto tem dois lugares legais tb: a Casa Andalusí, que é uma pequena casa do século XII, belíssima, e a Casa de Sefarad, que é linda! 

Lubna de Córdoba, uma das mulheres homenageadas na sala dedicada a figuras femininas do al-Andalus, na Casa de Sefarad. 
Fonte no pátio da Casa Andalusí
Ali perto também tem o Zoco que é o antigo mercado da cidade no século XII. É uma praça, beeem pequenina, mas é um charme, tem uns vasinhos de flores em uma pequena escadaria, muito fofo!!

Foto clássica no Zoco :))

Maimonides, próximo à Sinagoga
Não longe dali, ainda na juderia, há a Casa Árabe, cuja sede é em Madrid. O lugar é lindo e às vezes há apresentações de música ou exposições abertas ao público. Vale a pena conferir! São visitas não muito demoradas e valem a pena.

Casa Árabe, um lugar especial!
Se quiserem conhecer o Museu do pintor Julio Romero Torres também é mais ou menos ali perto, já mais próximo à saída das muralhas da juderia. E tem também o Museu Arqueológico que é sensacional, pois está construído sobre os restos arqueológicos de um teatro romano. :)) Mas essa visita demora um pouquinho mais, é muita coisa para ver. :))

Museu Arqueológico. Visita imperdível!
Ah, também é possível ir a um Hamman - que é moda na Espanha. É o antigo Banho Árabe, na verdade, funciona como um spa. As pessoas passam umas horas, tem sauna, massagem, chá.... tudo lindo, chique e meio caro. rsrsrs Mas todo mundo vai porque é relaxante. Na Judería tem um Hamman, mas às vezes dá para pelo menos tomar um chá. :)) Em Granada também tem Banhos Árabes e em Sevilla tb! :)) 

Pausa para o chá em uma teteria árabe 
Córdoba se candidatou à Capital da Cultura 2016. Não sei se deu certo, mas o fato é que houve todo um esforço para melhorar exponencialmente os serviços turísticos na cidade. E, de fato, o lugar ficou muito bem cuidado. Eu sou apaixonada por essa cidade. Este é um dos vídeos promocionais da campanha. Vale a pena assistir!







Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails